Como pensam os gênios

Empatia e aprendizagem

Como aprender várias línguas ao mesmo tempo?
Insight: Ideia Brilhante

“Em vez de tratar equações da hidráulica e do magnetismo, prefiro sentar-me e viajar em cada elétron e íon e tentar imaginar como é o mundo a partir do ponto de vista deles e que forças empurram para a esquerda ou para a direita.”
Hannes Alfven

Richard Feynman, nos seus estudos sobre os elétrons, colocava-se no lugar deles para entender os fenômenos a eles relacionados. Albert Einstein também tinha esta capacidade empática de se imaginar como se fosse um fóton movendo-se com a velocidade da luz. Muitos outros iluminados usam tal método constantemente para compreender melhor aquilo que estão estudando.

E você? Que tal fazer o mesmo para clarear raciocínios que lhe parecem obscuros? Basta colocar-se no lugar do seu objeto de análise, imaginando suas reações diante de determinadas circunstâncias.

Leia mais sobre isso no livro Centelhas de Gênios, de Robert & Michèle Root-Bernstein. O livro Potência Cognitiva, de Ne Oliveira, também contém dicas para dinamizar o pensamento.

Para aprender a exercitar sua percepção, marque conosco uma sessão motivacional.

Quer visualizar sua dinâmica mental? Faça agora um check-up on-line. É um teste totalmente grátis com várias dicas para desenvolver seu potencial cerebral.

Veja também:
Onze letras
Jogos multilíngues
Motor do aprendizado
Pratique neuróbica
Grande aliado
Menu inicial



Curtas & Cultas... Sobre Gênio...
Veja o que disse Thomas Edison...




Voltar

Copyright © Ne Oliveira. Todos os direitos reservados.